MÃE VEZES TRÊS!

10 | maio

Na verdade, ela é mãe vezes sete. Eliane Hoinacki de 40 anos teve seu primeiro filho aos 20 anos, mas a grande surpresa veio recentemente com a chegada dos trigêmeos. Os bebês, Rafael, Gabriel e Maria Luísa, agora estão com a mãe e irmãos curtindo seu terceiro dia em casa. Eles ficaram internado sob cuidados médicos durante 15 dias na UTI neo Natal da APMI, pois além de serem trigêmeos, nasceram prematuros e ainda precisam de cuidados especiais. Eliane conta que a gravidez foi uma surpresa e descobrir que eram três foi um grande susto, “Foi uma surpresa, estava morando em outra cidade e quando voltei para União da Vitória descobri que estava grávida. Mas o susto maior foi quando fiz o ultrassom e vi que eram três.” Falou Eliane.

 

O susto foi maior porque, segundo Eliane, ela e o pai dos bebês não estavam mais juntos e viviam um momento complicado. Ela então voltou para a casa da mãe junto com seus outros quatro filhos. Muitos problemas surgiram durante a gestação e ela então precisou parar de trabalhar. Apesar de toda dificuldade financeira e emocional que Eliane enfrentou, ela conta que não reclama, pois recebeu ajuda de pessoas que ela nem imaginava e também que ela nem conhecia, “As pessoas começaram a me ajudar, doando fraldas, roupinhas e até organizaram um chá de bebê para meus filhos, agradeço muito a Deus por ter colocado pessoas assim no meu caminho, graças a eles meus filhos não estão passando necessidades”, desabafa Eliane.

 

Além dessa ajuda, Eliane esta recebendo auxílio e instruções da Secretaria da Assistência Social de União da Vitória. Cleonice Moller, assistente que acompanha o caso de Eliane conta que é inevitável não se envolver emocionalmente com a situação: “Estamos fazendo visitas a cada dois dias para a Eliane e os bebês para ver se não esta faltando nada. Os trigêmeos estão sendo muito bem cuidados. Eu chego aqui e olho os três e eles são uma graça e são muito bonzinhos, ela é uma mãezona. O nosso trabalho envolve muito a parte emocional, nós precisamos sempre estar trabalhando com carinho e amor”, afirma a assistente.

 

Eliane recebeu muitas doações, porem algumas coisas como fraldas, leite em pó, roupinhas e mamadeiras ainda não são suficientes para os três bebês. Como ficará afastada por um tempo do trabalho, ela ainda precisará de ajuda. Quem puder contribuir pode trazer sua doação na rádio Educadora Uniguaçu, situada na rua Ipiranga,39 – centro de União da Vitória. A equipe da rádio estará encaminhando todas as doações até a família. Toda doação é bem vinda!

 

Para acompanhar a matéria completa e a entrevista com a mãe dos trigêmeos, basta clicar no link abaixo:

 

CONFIRA:

 

 

 

    

Comentários, dúvidas, sugestões? Entra em contato com a gente!